Novo scooter Kymco Agility 200i chega às lojas a partir de R$ 11.900

Atração do Salão Duas Rodas 2017, a marca de scooteres de Taiwan Kymco acaba de lançar o que havia prometido ao mercado brasileiro: o modelo de entrada Agility 16+ 200i, que sai por R$ 11.990. Mas não se engane: apesar do nome, seu motor tem 163 cc, o que não deixa de ser o suficiente para rivalizar com o Honda PCX 150 (R$ 11.620), o Yamaha NMax : (R$ 12.390) e o Honda SH 150i: (R$ 12.700). Vale lembrar que é líder de mercado na Tailândia, além de terceira colocada na Alemanha e na Itália.

A nova Kymco de entrada aposta na comodidade, com gancho porta objetos, bauleto de 26 litros — suficiente para levar um capacete integral — e compartimento sob o banco. Traz rodas são de alumínio com 14 polegadas atrás e 16″ na dianteira. Voltando à sua mecânica, desenvolve números compatíveis com as rivais, que tem o  Honda PCX 150 na liderança. Seu motor refrigerado a ar produz 12,5 cv e 1,3 kgfm, a partir de um sistema de alimentação com injeção eletrônica.

, Novo scooter Kymco Agility 200i chega às lojas  a partir de R$ 11.900, rtvcjs
DivulgaçãoKymco Agility 200i tem desenho moderno entre os principais atrativos na comparação com os principais rivais

É com isso, com os seus 126 kg (a seco) e mais o câmbio CVT, que a marca garante que é capaz de rodar até 224 km antes de abastecer o seu tanque de 7 litros, resultando em um consumo médio de 32 km/l. Completam a lista de atrativos os freios ABS com aerokip na dianteira — para melhorar as respostas ao pressionar o manete — com pinça de dois pistões e discos de 260 mm na frente e 240 mm atrás.

Segmento que mais cresce

, Novo scooter Kymco Agility 200i chega às lojas  a partir de R$ 11.900, rtvcjs
DivulgaçãoEntre os atrativos do scooter da marca de Taiwan estão os freios a disco de 260 mm na frente e 240 mm atrás

Com garantia de um ano, os modelos da  Kymco são montados em Manaus pela JTZ, empresa que compartilha boa parte da estrutura da J.Toledo Suzuki (responsável também pela Haojue) para montagem e distribuição. As expectativas dos executivos da marca no Brasil giram em torno do crescimento no segmento dos scooteres. De acordo com dados da Abraciclo, eles ainda têm uma participação de mercado pequena, de 6,6%, mas suas vendas cresceram mais de 30% em 2019, enquanto a venda total de motocicletas subiu 16,8%.

16,805 total views, 6 views today

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *